Política - 17/12/2017

Michel Temer visita maiores aliados no mercado

Publicado em 03/10/2016 por Jornal do Comércio - RS

O presidente Michel Temer inicia hoje visita a Argentina e Paraguai, os países do Mercosul que deram o apoio mais contundente ao processo de impeachment que o levou ao poder. Temer chega a Argentina em meio à esperança do país de conseguir reerguer a própria economia se a do Brasil deixar de cair.

Na quarta-feira, Mauricio Macri atendeu jornalistas brasileiros na Quinta de Olivos, a residência oficial, onde também receberá Temer. Questionado sobre a razão de a Argentina não decolar, apesar de ele ser visto com otimismo pelo mercado e uma espécie de antídoto ao populismo, Macri citou a herança kirchnerista e o Brasil. "Não é fácil começar um governo depois de uma década de altíssima inflação, de forte déficit fiscal, perda de reserva, de perda de competitividade, de relações com o mundo, de falta de energia. Se o Brasil deixa de cair, também nos ajudará, porque é o principal comprador."

Newsletter